Receba nossa news

  •  
  •  
Você está aqui: Home Notícias Saúde Automedicação pode ser fatal

Automedicação pode ser fatal

doses fatais
Farmacêutico tem papel importante na orientação

Morrem aproximadamente 20 mil pessoas, todos os anos, vítimas de automedicação no Brasil, de acordo com a Associação Brasileira das Indústrias Farmacêuticas (Abifarma) e, a cada 10 pessoas, sete se automedicam. Por isso, é muito importante que os consumidores tenham acesso às informações corretas sobre medicamentos e seu uso correto.

Entre os efeitos colaterais possíveis pela combinação ou super dosagem de medicamentos estão: desconfortos gástricos e intestinais; inibição de sintomas de uma doença mais grave; diminuição do nível de consciência; hospitalização indesejadas.

O farmacêutico deve orientar ao uso preferencialmente após uma prescrição médica. Caso a pessoa necessite de muitos medicamentos por dia, fazer uma tabela com os horários e pílulas que devem ser ingeridas ou usar separadores de cápsulas. Alguns aplicativos de celular também ajudam na funcionalidade de organização. Além disso, manter o médico atualizado sobre eventuais falhas de dosagem ajuda no controle correto.

Fonte: Notibras

Sites do Grupo

logo-contento
logo site

Contate-nos

1396561723 social facebook box blue   1396561730 social twitter box blue   1396561765 youtube

Guia da Farmácia: Revista dirigida aos profissionais de saúde
Rua Leonardo Nunes, 198
Vila Clementino – CEP 04039-010
São Paulo – SP


Telefone (11) 5082-2200
comunicacao@contento.com.br